29/05/2020
quais os sintomas de colesterol alto

Quais os sintomas de colesterol alto?

O colesterol é uma das substâncias essenciais para o organismo que está presente em todas as células do corpo. Serve como material de base para a síntese de um grande número de hormônios, contribui para a manutenção e estabilidade das membranas celulares. Contudo, saber quais os sintomas de colesterol alto é fundamental!

O colesterol no sangue é predominantemente sintetizado pelo fígado, ele é então levado para a corrente sanguínea pelas transportadoras.

Para ajudar você a saber quais os sintomas de colesterol alto, eu preparei o artigo de hoje sobre o assunto. Ficou interessada em saber mais? Então acompanhe comigo agora mesmo!

Quais os tipos de colesterol?

Existem dois tipos, lipoproteínas de baixa densidade e aqueles com alta densidade, são esses dois tipos de lipoproteínas que correspondem ao “mau” e “bom” colesterol. O colesterol precisa estar associado a essas moléculas porque não é solúvel na água ou no sangue.

Lipoproteínas de baixa densidade

Chamados de LDL, as lipoproteínas de baixa densidade, são quem transportam colesterol do fígado para os tecidos.

Quando há muito colesterol associado às lipoproteínas LDL, elas se acumulam nas paredes arteriais, aumentando o risco de desenvolver doenças cardiovasculares. É por isso que é chamado de “colesterol ruim”.

Lipoproteínas de alta densidade

Chamados de HDL, as lipoproteínas de alta densidade, elas transportam o colesterol dos tecidos para o fígado, com a finalidade de sua eliminação e para impedir seu acúmulo nos tecidos.

Elas tornam possível a limpeza de artérias com depósitos lipídicos de baixa qualidade e, assim, reduzem o risco do aparecimento de uma placa ateromatosa, ou seja, uma placa de gordura que reveste a parede dos vasos sanguíneos. É por isso que é chamado de “bom colesterol”.

O nível total de colesterol depende dos níveis de colesterol LDL e colesterol HDL. Essa taxa é calculada por exame de sangue com o estômago vazio e deve ser menor que 2g / L.

Neste ensaio, o nível de HDL-colesterol, que deve ser maior que 0,6 g / L, também é medido e o limite de LDL-colesterol, que deve ser menor que 1,6 g / L, pode ser calculado.

Se o nível de colesterol for superior a 2g / L, chama-se hipercolesterolemia.

quais os sintomas de colesterol alto

Quais os sintomas de colesterol alto?

Os sintomas do excesso de colesterol são os de suas complicações. Somente após anos de evolução os sintomas podem aparecer, mas é tarde demais, porque os sinais são as complicações do excesso de colesterol.

Lembre-se de que, a longo prazo, o excesso de colesterol tende a se depositar nas artérias (placa ateromatosa), estreitando seu diâmetro e impedindo a boa circulação sanguínea, potencialmente causando aterosclerose nos membros inferiores.

Esta placa de ateroma pode endurecer e causar angina de peito. Um coágulo sanguíneo também pode ser formado e se desprender, depois obstruir uma artéria coronária, podendo ocorrer um infarto ou um acidente vascular cerebral.

Contudo, para saber quais os sintomas de colesterol alto, é preciso ter atenção a pequenas coisas do dia a dia, como:

  • Dor nas panturrilhas,
  • Dor no peito com sensação de opressão,
  • Náusea, tontura,
  • Febre, dor de cabeça,
  • Falta de ar, palpitações,
  • Sentindo frio nas extremidades,
  • Perda de força no rosto, braços, pernas, especialmente de um lado,
  • Dificuldades de fala,
  • Distúrbio de visão.

Definição de hipercolesterolemia

A hipercolesterolemia é uma doença do metabolismo dos lípidos, onde corresponde um aumento dos níveis de colesterol no sangue. Esse distúrbio é especificamente devido a um nível elevado de colesterol LDL, encontrado em grandes quantidades no sangue.

O fígado não pode mais eliminar todo o colesterol LDL que se acumula e se deposita nas paredes vasculares, o que aumenta o risco de aterosclerose e, portanto, o risco de doenças cardiovasculares.

A hipercolesterolemia é frequentemente acompanhada por uma elevação dos níveis de triglicerídeos no sangue.

Os triglicerídeos são lipídios que constituem a maioria do tecido adiposo no corpo humano e representam a maior reserva de energia do corpo.

Eles são trazidos por uma dieta desequilibrada e consumo excessivo de álcool. Um alto nível de triglicerídeos no sangue promove a ocorrência de doenças cardiovasculares e contribui para o desenvolvimento da aterosclerose. Um nível normal de triglicerídeos é inferior a 1,7 mmol / L.

Causas de colesterol alto

As causas da hipercolesterolemia são congênitas ou adquiridas. Em 80% dos casos, a hipercolesterolemia está ligada a fatores genéticos.

Hipercolesterolemia familiar

É caracterizada por uma mutação do gene que codifica o receptor de colesterol LDL nas células. Se o receptor estiver ausente nas células, o colesterol LDL permanece no sangue e se acumula, o que causa o aparecimento de deposição de colesterol “ruim”.

Este tipo de hipercolesterolemia pode aparecer desde a infância e causa o aparecimento de xantomas. São pequenas bolas de colesterol amarelo que são depositadas nos tendões e na pele.

Distúrbios médicos

Algumas doenças podem causar um aumento nos níveis de colesterol no sangue, como hipotireoidismo, diabetes ou insuficiência renal.

Ambiente, idade e estilo de vida

O estilo de vida influencia a saúde e pode levar a um aumento no colesterol. De fato, uma dieta rica em gorduras e açúcares e a falta de atividade física levam ao excesso de peso e, portanto, ao aumento do colesterol LDL.

Homens com mais de 45 anos e mulheres na menopausa com mais de 55 anos têm maior risco de hipercolesterolemia.

quais os sintomas de colesterol alto

Complicações relacionadas à hipercolesterolemia

Como discutido acima, níveis elevados de colesterol aumentam o risco de doenças cardiovasculares, derrame e depósitos de gordura nas artérias ou tecidos.

Esse depósito de gordura forma uma placa nos vasos sanguíneos e também pode entupir as artérias, incluindo a artéria coronária que irriga o coração.

Esse fenômeno é chamado aterosclerose, que é um endurecimento das artérias que aumenta o risco de dor no peito e ataques cardíacos.

Não há sintomas de colesterol alto a rigor, falamos de perturbação “silenciosa”. Em geral, quando se percebe esse distúrbio, as artérias já perderam 75% a 90% de sua funcionalidade.

É por isso que é importante verificar regularmente seus níveis totais de colesterol e triglicerídeos no sangue para tomar as medidas necessárias o mais rápido possível.

Veja também esta página em vídeo

Gostou de saber quais os sintomas de colesterol alto? Então não deixe de acompanhar os demais artigos do blog, tenho muitas outras novidades para você!

Avatar

Carol

Retadora do site GuiaParavida

View all posts by Carol →

2 thoughts on “Quais os sintomas de colesterol alto?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.